Manutenção Predial Como Evitar Desperdício De Produtos

Manutenção Predial Como Evitar Desperdício De Produtos

Gestão de obras e redução de desperdícios

Não é simples encontrar dados sobre os valores de desperdício atuais. Há 15 anos, uma pesquisa da USP apontava que o maior desperdício está relacionado à espessura excessiva. Outra pesquisa, também não tão recente, aponta que apenas na argamassa esse valor é de 90%.

No entanto, essas pesquisas apontam uma característica em comum: o desperdício varia bastante entre obras, materiais e métodos utilizados. Por isso é tão importante manter a atenção na obra como um todo.

Para auxiliar o gestor a diminuir os desperdícios, focaremos nossas sugestões em 4 aspectos práticos. Eles envolvem o bom uso de tecnologias, armazenamento correto, importância da reciclagem ou reutilização e o correto controle de compras

1. Tecnologias e métodos eficientes

O uso de tecnologias antigas é fator que induz o desperdício, pois está diretamente relacionada à eficiência de produção. Garantir que os melhores equipamentos e métodos sejam utilizados contorna esse problema e estica a margem de lucro.

É claro que o treinamento de colaboradores para realização de novas metodologias e aquisição de equipamentos de ponta são onerosos. No entanto, isso deve ser encarado como um investimento, onde o ROI é fácil de ser calculado, ainda mais se o serviço já era realizado sem esses diferenciais.

Nesse quesito tecnologia estão inseridos também os softwares de gestão de obras (ERP), que organizam as diversas etapas da obra, reunindo toda a informação em um único programa, tornando fácil a identificação de etapas problemáticas.

2. Transporte e armazenamento

Quando nos referimos ao transporte, falamos tanto do trânsito do material para a obra (quando de responsabilidade de quem está tocando a obra) quanto de sua manipulação no local de construção.

Por exemplo, grandes perdas acontecem com o concreto devido às gruas e carrinhos de mão (jericas), seja por equipamentos defeituosos ou má utilização, lembrando ainda que existem as perdas inerentes aos processos. Isso ainda levanta outra questão, que é a da utilização do equipamento correto para cada situação.

Apesar de ser incomum, empresas ainda recebem materiais que não podem sofrer exposição às intempéries sem a devida proteção. Garantir que o material de obra seja condicionado em contêineres, sobre pallets e protegidos por embalagens plásticas previne contra umidade e raios solares.

3. Controle de compra de materiais

Como o desperdício de materiais está associado à diferença entre o valor utilizado e aquele considerado ideal, é importante identificar a quantidade ideal de materiais. Isso exige uma certa experiência por parte do gestor, experiência essa que vem com o tempo ou que pode ser terceirizada.

Ao contrário do senso comum, quantidades insuficientes de material também levam ao desperdício. Deixando de lado a mão de obra e obras paradas, comprar menos material do que o necessário implica em gastos maiores, por causa do preço, muito menor quando em grandes quantidades.

4. Reciclagem e reutilização

Uma obra, como vimos até agora, deve priorizar a diminuição de material excedente. No entanto, a conta raramente fecha, sobrando material até por questões de segurança. Uma maneira de contornar o excesso é por meio da reciclagem e reutilização.

Primeiramente, é importante diferenciar esses dois conceitos. A reciclagem significa reprocessamento e produção de novos materiais, ou seja, inserir o resíduo em um novo ciclo de produção.

Diminuir gastos com desperdício também significa reutilizar da melhor forma possível resíduos de reformas, reparos, demolições, preparações de terreno e assim por diante. Exemplos de materiais reutilizáveis são tijolos, blocos cerâmicos, concreto, madeira e gesso.

Todos esses procedimentos de redução de desperdício trazem benefícios ambientais, econômicos e sociais. Isso acontece pela redução da aquisição de novos materiais e até mesmo de geração de programas de construção popular, para gerar impacto social pela empresa por meio da reciclagem e reutilização.

Construsul Dedetizadora Porto Alegre

A Construsul Dedetizadora Porto Alegre faz Reforma Predial em Porto Alegre de acordo com todas as normas de segurança para que todo nosso trabalho de Manutenção Predial em Porto Alegre seja feito com responsabilidade.

imagem Controle de pragas rs

Solicite orçamento para dedetização (desinsetização)

A Construsul Dedetizadora convida você a solicitar um orçamento totalmente grátis, temos uma equipe perto de você. Oferecemos serviços de controle de pragas e vetores com excelência.

Fazemos parte da rede CONSTRUSUL ENGENHARIA E MANUTENÇÃO PREDIAL, um grupo empenhado em trazer soluções inteligentes e sustentáveis para o controle de animais e inseto, desentupimentos, caça vazamentos e reforma predial.

Cofira nossos serviços de dedetização

O controle de pragas segue uma metodologia que exclui totalmente a possibilidade de contaminação do meio ambiente, produtos e/ou serviços, mas que é extremamente eficaz contra a praga. Nossa empresa é referência no controle de pragas urbanas, incluindo roedores.

Há mais de 40 anos trabalhando no extermínio de pragas urbanas, a Construsul dedetizadora oferece o serviço de desinsetização de pragas com melhores técnicas dedetização.

CONSTUSUL DEDETIZADORA - Serviços Profissionais em dedetização na sua cidade.

A Mais de 40 anos a Construsul dedetizadora vem atuando no mercado de controle de pragas urbanas, sempre preocupada em trazer ao cliente a satisfação de um trabalho bem feito com seriedade e profissionalismo.

Sua sede está localizada em Porto Alegre, com filiais na Grande Porto Alegre (RS) e Santa Catariana (SC) A empresa realiza os serviços de Higienização e Desinfecção Bacteriológica de Reservatórios de Água e Controle de Pragas como: Desinsetização (dedetização), Descupinização, Desratização, Controle de Pragas em Grãos Armazenados, Tratamento Fitossanitário Quarentenário, Controle Integrado de Pragas (CIP) entre outros.

Também trabalhamos com o Sistema Sentricon de Eliminação de Colônia de Cupins, um sistema criado para monitorar e eliminar colônias de cupins subterrâneos.

 

Confira mais conteúdos da Construsul sobre controle de pragas